Siga-nos

Imagens que Aproximam

Ultrassonografia Pélvica Transvaginal – Blumenau

Na ultrassonografia pélvica transvaginal, geralmente chamada apenas de ultrassom transvaginal ou com o apelido popular de “ultra vaginal”, como o nome indica, o transdutor é inserido pela vagina, coberto pelo gel condutor e por uma proteção de látex ou plástico lubrificada, com a mulher em posição ginecológica.

Para explorar as áreas da pelve, o transdutor é girado e inclinado suavemente, enquanto o operador documenta a anatomia, mobilidade das estruturas pélvicas e possíveis achados anormais.

Da mesma forma que a ultrassonografia pélvica abdominal, são realizadas medidas em três dimensões (altura, largura e profundidade) e calculado o volume do útero, ovários e ocasionalmente de possíveis achados patológicos, como cistos, massas, nódulos, coleções líquidas.

É feita uma análise comparativa da forma e textura dos órgãos da pelve com a anatomia normal (habitual) e descritas variações anatômicas ou outros achados que fogem da normalidade que possam ter interesse clínico. Quando na presença de um DIU (dispositivo intrauterino), método contraceptivo de longa duração aplicado na cavidade uterina, é realizado estudo do posicionamento do mesmo, ou descritas possíveis alterações na posição.

Quando a ultrassonografia pélvica é realizada pela via transvaginal, a bexiga geralmente estará vazia ou com baixa repleção, exceto quando envolver estudo específico da parede vesical, como, por exemplo, durante o mapeamento de endometriose profunda, também detalhado aqui no site.

 

A vantagem técnica da via transvaginal sobre a abdominal é o uso de sondas com maior frequência no estudo transvaginal, possibilitando maior acurácia e sensibilidade na exploração de patologias, com maior proximidade entre o transdutor e os órgãos estudados, imagens mais nítidas (com melhor definição), e  por dispensar o preparo da bexiga cheia.

 

Ocasionalmente, na presença de algumas alterações como cistos e massas abdominais, é solicitado o estudo complementar com doppler colorido e pulsado, que ajuda o ginecologista ou clínico assistente no diagnóstico diferencial das patologias cogitadas durante a consulta.

Preparação para o exame

Na ultrassonografia transvaginal, as pacientes são orientadas geralmente a esvaziar a bexiga imediatamente antes do exame.

As pacientes são orientadas a remover piercings, jóias ou qualquer objeto metálico na região estudada que possa interferir no processo de captura das imagens.

Não há necessidade de sedação ou uso de anestesia.

Não é necessário jejum.

Em alguns casos, podem ser prescritos medicamentos laxantes para esvaziar o intestino, chamada ultrassonografia com preparo intestinal, também com o propósito de obter melhores imagens.

 

Agende seu exame

Entre em contato conosco preenchendo os dados do formulário. Responderemos o mais rápido possível.

    Entre em contato

    Fale com a gente através dos contatos abaixo. Atendimento de segunda à sexta, das 08h às 12h e das 13h30 às 18h

    Endereço

    Rua Berta Odebrecht, 66 Sala 1503 – Fritz Muller Center Garcia Blumenau – SC / CEP 89020-430
    Virtus Ultrassonografia

    A nossa clínica está localizada em Blumenau e atende diversos exames de Ultrassonografia. Prezamos pela qualidade, respeito ao cliente, ética e parceria com os médicos assistentes.

    Contato